Apenas dois clubes não mudaram de técnico no Campeonato Cearense

PUBLICIDADE Apoios 1

O formato mais reduzido da competição não tem sido o bastante para reduzir o troca de técnicos no Campeonato Cearense. Ainda na 1ª fase, apenas dois times resistem com os mesmos treinadores do início do Estadual: Maranguape e Guarani de Juazeiro.

O Gavião da Serra de Reginaldo França faz campanha segura e caminha para fugir do rebaixamento. Já o Guaraju de Washington Luis é a surpresa até o momento e divide a vice-liderança com o Leão do Pici, levando vantagem no critério de desempate.

As mudanças recentes nas comissões técnicas do trio da Capital, Ceará, Ferroviário e Fortaleza, movimentaram esse cenário ao longo da atual semana. Vale ressaltar as motivações diferentes de cada um.

Mesmo na liderança do torneio, o Ceará viu a eliminação da Copa do Brasil custar o cargo de Gilmar Dal Pozzo. Também fora do certame nacional, o Fortaleza já sofria com a pressão da torcida pedindo a saída de Hemerson Maria por causa do desempenho no Estadual. Givanildo Oliveira e Marquinhos Santos, respectivamente, assumem o comando dos dois clubes.

Caso diferenciado foi o do Tubarão da Barra. Fazendo boa campanha, Marcelo Vilar recebeu proposta do Moto Club-MA e resolveu aceitar o convite, deixando o projeto em andamento. Vladimir de Jesus, que já havia saído do Uniclinic, é o novo comandante coral.

Na última semana, outras cinco equipes já tinham vivido a situação de mudanças de treinadores.

Confira as alterações feitas pelos clubes até agora:

Itapipoca: Saiu Neto Maradona, entrou Ewerton Câmara
Tiradentes: Saiu Sérgio Alves, entrou Danilo Augusto
Guarany de Sobral: Saiu Júnior Cearense, entrou Erasmo Forte
Uniclinic: Saiu Vladimir de Jesus, entrou Roberto Carlos
Horizonte: Saiu Roberto Carlos, entrou Leandro Campos
Ferroviário: Saiu Marcelo Vilar, entrou Vladimir de Jesus
Fortaleza: Saiu Hemerson Maria, entrou Marquinhos Santos
Ceará: Saiu Gilmar Dal Pozzo, entrou Givanildo Oliveira

PUBLICIDADE Apoio 2

Comentários

Comentários

Marcio Sousa

Radialista profissional há mais de 15 anos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *